Cerro Largo, 18 de maio de 2022. Boa Noite!
[email protected] (55) 9.9982.2424
Logomarca LH Franqui
Publicado em 21/01/2022 18:05:30 • Geral

Cermissões inicia levantamento para rede trifásica

Nova rede interligará São Paulo das Missões, Porto Xavier, Roque Gonzales e Pirapó
Equipe da Cermissões percorreu trajeto da futura rede trifásica

O presidente da Cermissões, Diamantino Marques dos Santos, após uma primeira análise com o setor de Engenharia e Financeiro da cooperativa, determinou a realização de um estudo técnico referente a viabilidade da construção de uma rede trifásica interligando os municípios de São Paulo das Missões, Porto Xavier, Roque Gonzales e Pirapó.

Na quarta-feira (19/1), enfrentando uma temperatura superior a 40 graus, os locadores Edegar Cavalini e Dalvan Bourscheidt, juntamente com o engenheiro Nerisom Rohleder e com o conservador de redes elétricas do posto de atendimento de São Paulo das Missões, Jorge Aldair dos Santos Souza, iniciaram o trabalho a campo, avaliando o melhor e mais viável trajeto para construção da referida rede, que deverá ser ramificada para interligar os quatro municípios.

Foram percorridos trajetos desde a cidade de São Paulo das Missões, Linha Dona Helena Sul, Povoado Planalto, Linha Barão, Vila Sobrado, Linha Nova, cruzando a BR 392, Linha Secção D Baixa, Esquina Gramado, em direção a barca que dá a acesso a Pirapó.

Após esse primeiro estudo, os locadores estão dando prosseguimento ao levantamento, com a demarcação dos pontos e demais detalhamentos necessários para elaboração do projeto de execução.

A construção desta rede, tem como objetivo estabilizar o fornecimento de energia aos associados daquela região, pois em decorrência do aumento do consumo, causado pelo calor e a estiagem, ocorreram oscilações na tensão e algumas quedas de energia nos últimos dias.

Para agilizar o processo, o engenheiro Nerisom já conversou com o prefeito de São Paulo das Missões, Oberdan Rhoden, e com a licenciadora municipal, Daiane Krewer de Oliveira, para fins de organizar a documentação necessária referente ao licenciamento ambiental.

Ao percorrerem essas localidades interioranas, eles se depararam com um cenário preocupante e com os prejuízos irreversíveis causados pela estiagem. As culturas do milho e da soja, foram as mais afetadas. Também verificou-se açudes e bebedouros secos ou praticamente secos, mortandade de peixes, e até falta de água para consumo humano e animal. Nesta região, em função do relevo e pelo tipo de solo mais pedregoso, os produtores acabam sofrendo mais precocemente com a seca.

Fonte: Assessoria de Imprensa
cermissões
rede trifásica
CONTINUE LENDO